Em nosso dia a dia somos expostos a várias situações ao nosso redor que podem nos deixar ansiosos. Mas, como controlar a ansiedade? Sentir a sensação de nervosismo ao passar por uma entrevista de emprego, falar em público ou quando se tem uma prova importante a se fazer é normal. E, nesses casos pontuais alguns passos simples podem afastar o problema.

A ansiedade é uma emoção relativamente normal dos seres humanos. Porém, quando ela passa a ser uma preocupação excessiva, com um medo extremo de situações comuns e rotineiras é um sinal de alerta do Transtorno de Ansiedade Generalizada, também conhecido como TAG, que se diferencia da ansiedade comum, por ser excessiva ou persistente.

O Brasil sofre com uma epidemia de ansiedade, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o país possui o maior número de pessoas ansiosas do mundo com mais de 18 milhões de brasileiros, cerca de 9% da população, que convivem diariamente com o transtorno.

Diante disso, vamos te explicar um pouco mais sobre essa doença e ainda te dar dicas do que fazer para ajudar no controle da ansiedade. Leia o artigo até o final e fique por dentro!

Afinal, o que é ansiedade?

Com certeza, você já deve ter falado em algum momento de sua vida que estava ansioso para alguma situação acontecer, não é mesmo? No entanto, há diferença entre o sentimento de antecipação e a ansiedade.

A ansiedade é uma reação natural do corpo humano, uma expectativa do que está por vir que funciona como um mecanismo de proteção que nos prepara para lidar com situações de perigo, mas às vezes a interpretação desse cenário está desacertada. Então, ficamos extremamente ansiosos de forma até desproporcional à ameaça enfrentada.

Em certo ponto, a ansiedade é positiva, pois nos leva a uma organização prévia e nos impulsiona agir. Mas, algumas pessoas vivenciam essas reações de forma tão intensa que podem comprometer a vida social, profissional além da saúde física e emocional. Esse transtorno pode apresentar diversos sintomas graves. Tais como suor frio, taquicardia e até medo de morrer.

O transtorno de ansiedade pode levar em alguns casos até a um ataque de pânico. Ou seja, a pessoa simplesmente não consegue mais realizar suas tarefas normalmente. Quando o problema sai do estágio de normal e saudável de criar planos para o futuro e passa a ser um transtorno, atrapalhando a vida, constata-se a ansiedade patológica.

Como controlar a ansiedade

Diferença entre ansiedade e Transtorno de ansiedade generalizado (TAG)?

Se você é ansioso, necessariamente, não tem um distúrbio. Há diferenças entre ansiedade e transtorno de ansiedade.

O Transtorno de Ansiedade é uma doença que se caracteriza pelo excesso de medo ou ansiedade que interfere no dia a dia e também afeta o comportamento. Tal transtorno faz com que a pessoa que sofre com a doença tenha pensamentos negativos e uma série de sinais fisiológicos que afetam a rotina e vida social.

Quem sofre com o problema, uma atividade simples como ir ao banco se torna um verdadeiro pesadelo. Embora as causas exatas da TAG sejam desconhecidas, algumas evidências mostram que fatores biológicos, como o contexto familiar e as experiências de vida tenham influência sobre a causa da doença.

Quando uma pessoa sofre com o Transtorno de ansiedade pode ter sintomas tão intensos que muitas vezes pode levá-la a buscar ajuda acreditando estar com outros tipos de problemas, como no coração.

Quando a ansiedade ultrapassa o grau do considerado normal e aceitável, alguns sintomas físicos aparecem em sinal de alerta, como:

  • Suor;
  • Tremor;
  • Alergias;
  • Tontura;
  • Náuseas; 
  • Boca seca;
  • Irritabilidade;
  • Falta de ar;
  • Taquicardia;
  •  Problemas no aparelho digestivo.

E mais, quando o nível de ansiedade é desproporcional pode desencadear ainda cardiopatias, obesidade e diabetes. Nesses casos, a tensão é constante. Mesmo que a pessoa saiba que não há motivos para se preocupar tanto, mesmo assim não consegue controlar suas emoções.

Dicas para diminuir a ansiedade rapidamente

Se você tem sentido muitos sintomas listados no tópico anterior, e quer saber como controlar a ansiedade algumas mudanças simples de hábitos podem ajudar você a passar por essa fase de forma mais leve. Confira!

Dicas práticas para controlar a ansiedade

#1 Pratique exercícios físicos

Não é segredo para ninguém que manter uma rotina de exercícios físicos colabora na saúde como um todo. Aquele ditado de corpo são, mente sã também se aplica aqui. Na prática de atividade física o corpo libera substâncias que promovem a sensação de bem-estar e prazer que ajudam na diminuição do estresse e ainda melhoram a qualidade do sono.

#2 Foque na respiração

O conselho antigo de respirar profundamente também funciona. Quando inspiramos e expiramos o ar lentamente nosso cérebro entende quase que imediatamente que é hora de relaxar. 

Pode até ser difícil no início focar na respiração em situações estressantes, mas a respiração profunda é um treino. Ao praticá-la com frequência seu corpo vai aprendendo aos poucos a se acalmar.

#3 Organize seu dia 

Uma boa maneira de controlar a ansiedade é planejar seu dia com antecedência. Em outras palavras, organize seu afazeres, reuniões e compromissos de um modo que fique fácil. Você pode anotar tudo em uma agenda, usar um aplicativo de celular ou fazer uma lista. Assim, você reduz os imprevistos e ainda acumula autoconfiança para enfrentar o dia.

Mas nem sempre os planos são seguidos à risca. Então, não se desespere com imprevistos, pois eles são completamente normais.

#4 Good vibes

 

 
Os nossos pensamentos exercem grande influência sobre nossos sentimentos e ações. Você já percebeu que ao lembrar de uma situação ruim você fica triste novamente? Muitos transtornos mentais compartilham o mesmo sintoma de pensamentos negativos.

Pratique pensamentos positivos logo após despertar. Pense em coisas prazerosas ou ainda alguma lembrança que te deixe mais feliz. Desse jeito, você aprende a deixar de lado pensamentos ruins que não te ajudam em nada.

#5 Tire um tempo para você

Um item importante nessa lista de como controlar a ansiedade é tirar algumas horas do seu dia para cuidar de você mesmo. Nesse tempo, procure aumentar seu autocuidado, arrumando o cabelo, fazendo as unhas e usando o perfume que você gosta.

Ainda mais, manter uma alimentação saudável e definir suas metas de vida e gastar um tempo para realizá-las também vai te ajudar a se cuidar.

#6 Faça mais o que te deixa feliz

Focar todo seu tempo no trabalho deixando de lado em sua rotina coisas que te proporcionem felicidade só pioram o problema. Invista em passar mais tempo com quem você ama (mesmo virtualmente), assista um filme, faça uma aula de dança pelo YouTube ou qualquer outra coisa que te proporcione momentos prazerosos.

Pense em todas as coisas que você ama fazer e insira pelo menos uma atividade em seu dia a dia.

#7 Durma bem

O sono é responsável pelo nosso equilíbrio emocional. Dormir bem sem estresse é importantíssimo para a saúde do corpo como um todo, por isso que quem dorme mal fica mais propenso a ter alterações de humor, depressão e desgaste físico.

É muito mais fácil você controlar a ansiedade tendo noites bem dormidas. Na hora de dormir procure fazer atividades que relaxem como tomar um chá, ouvir uma música ou ler um livro. Nada de checar as mensagens no celular ou ficar nas redes sociais, esses aparelhos eletrônicos nunca devem ser levados para cama. Leia também: chás para insônia e depressão.

Quem tem dificuldades para pegar no sono também precisa ficar longe de substâncias químicas como o álcool, cafeína e a nicotina. Mas, o que fazer para dormir quando se está ansioso? Confira em seguida o que fazer para dormir quando se está ansioso.

O que fazer para pegar no sono quando se está ansioso?

Quando se está ansioso na hora de dormir é ideal tentar se acalmar e entender que durante o período destinado ao sono não dá para fazer nada além de dormir. Lembre-se que os problemas só poderão ser enfrentados no dia seguinte e para encará-los com disposição é necessário dormir bem.

Ter um colchão Sono Quality vai te ajudar nesse processo de dormir melhor. Pois, suas 9 tecnologias e diversos tipos de massagem te ajudam a relaxar e garantir noites de sono tranquilas e reparadoras. Com isso, você vai diminuir a ansiedade e aumentar sua qualidade de vida.

Conseguiu entender todas as dicas sobre como controlar a ansiedade? Seguindo todas elas vai ficar mais fácil de contornar esse problema. Mas, caso já as tenha praticado e mesmo assim ainda não bastarem, é válido buscar ajuda médica. Expor os problemas para um profissional da saúde em uma terapia ajuda a tratar do problema.

Ah, e se alguma dica ajudou você conte para gente nos comentários! E, aproveite para ler também nosso artigo Ansiedade e insônia: como a falta de sono te deixa mais agitado.